Notícias

CADASTRE-SE E
FIQUE POR DENTRO

Pesquisar

Administrativo, Infraestrutura e Urbanístico
Ambiental
Arbitragem
Contencioso Imobiliário
Contratual
Família e Sucessões
Empresarial
Imobiliário
Mercado de Capitais
Internacional
Penal Empresarial e Compliance
Trabalhista
Prevenção e Resolução de Litígios
Tributário

Comunicados

Governo Federal edita medida provisória que pretende acelerar o registro de empresas nas Juntas Comerciais

publicado em 19/03/2019 17:15

O Governo Federal editou a Medida Provisória nº 876 (“MP”), publicada no dia 14 de março de 2019, que pretende acelerar o registro das empresas nas juntas comerciais, trazendo, em especial, a seguinte inovação: o deferimento imediato do registro de atos constitutivos de Empresários Individuais, Empresas Individuais de Responsabilidade Limitada e Sociedades Limitadas (“Empresas”).


De acordo com a MP, caso forem comprovados os requisitos de viabilidade do nome empresarial e da localização da sede e utilizado o contrato padrão divulgado pelo DREI – Departamento Nacional de Registro Empresarial e Integração, os atos constitutivos serão automaticamente registrados. No prazo de 2 dias úteis contados da data do registro automático, se constatadas irregularidades nos documentos apresentados, as juntas comerciais poderão solicitar sua retificação aos requerentes ou, se tais irregularidades forem irreparáveis, o cancelamento do registro.


Além da medida acima descrita, a MP estendeu ao âmbito do registro público de empresas a possibilidade de declaração de autenticidade de documentos por advogados e contadores, sendo dispensado, portanto, o comparecimento do requerente à junta comercial ou a autenticação de documentos em cartório.

compartilhe:

CADASTRE-SE E FIQUE POR DENTRO